Laguna – Outros Carnavais SC – Vila Isabel lança concurso de samba enredo 2017

vila siabel
Foto do Casal de MS e PB da Vila Isabel de Laguna 2016 – Crédito: Elvis Palma

A escola de samba Vila Isabel de Laguna divulgou ontem, por intermédio de uma rede social, o lançamento do seu concurso de samba enredo 2017.

Como se sabe, a agremiação desenvolverá o enredo “Helinho – O Menino da Vila encanta o Planeta Carnaval”.

Veja o logo oficial do enredo 2017:

vila isabel 1

Agora o regulamento na íntegra:

“REGULAMENTO DO CONCURSO PARA A ESCOLHA DO SAMBA-ENREDO 2017

1- A Sociedade Recreativa Cultural Escola de Samba Vila Isabel lança o edital para o concurso que irá escolher o samba-enredo da Escola para o Carnaval 2017, cujo tema é “Helino o menino da Vila encanta o Planeta Carnaval”.
2- A Sociedade Recreativa Cultural Escola de Samba Vila Isabel foi criada em 13 de maio de 1958 e seus sambas sempre fortaleceram seu papel social e cultural na sociedade lagunense, para que esta tradição continue será disponibilizado aos concorrentes histórico completo da Entidade.
3- O(s) autor(es) do samba vencedor receberão um prêmio em dinheiro no valor de R$ 2.000.00 (dois mil reais) a ser pago no período de carnaval (fevereiro) ou antecipadamente conforme disponibilidade financeira da Escola que será informada ao vencedor(ores).
4- Poderá participar do concurso para escolha do samba-enredo da Escola de Samba Vila Isabel qualquer cidadão brasileiro ou não, residente ou não em Laguna SC que se ache em condições de compor o ritmo do samba.
5 – Serão considerados inscritos no concurso os sambas dos autor(es) que enviarem seu telefone, nome completo endereço e CPF para o endereço eletrônico: vilaisabellaguna@gmail.com ou através do botão contato na página da Sociedade Recreativa Cultural Escola de Samba Vila Isabel na rede social Facebook aonde receberão como resposta o enredo completo, cópia deste regulamento e o histórico da entidade, e enviare seus sambas gravados de qualquer forma em formato de áudio juntamente com a respectiva letra do samba até o dia 23 de setembro de 2016 até o horário limite 23:59h.
6- O não cumprimento dos requisitos do artigo anterior acarreta automaticamente a não inscrição do samba no concurso. Não será permitido concorrer com 2 (dois) sambas do mesmo autor (compositor).
7- A letra do samba deverá ter como base os pontos abordados no enredo (enviado junto com o regulamento e o histórico da Entidade). 8- Havendo mais de 5 (cinco) sambas-enredo inscritos, uma comissão ouvirá os áudios e selecionará os 5 (cinco) sambas para disputar a final. 8- A escolha dos jurados, do presidente da Comissão Julgadora e da Comissão Julgadora da Final é de inteira responsabilidade da direção da Sociedade Recreativa Cultural Escola de Samba Vila Isabel.
9- Os sambas entregues que cumpram os requisitos citados nos pontos 6 (seis) e 7 (sete) do regulamento serão julgados por uma comissão, formada por 5 (cinco) julgadores.

10- Não serão permitidas modificações na letra e na melodia do samba após a entrega. O não cumprimento implica na desclassificação do samba. Ficam liberadas as correções de erros gramaticais e de acentuação.

11- No dia 25 de setembro de 2016 será realizada a disputa dos sambas finalistas do concurso do samba enredo no Evento Paelha Social Vila Isabel que ocorrerá na Sociedade União Operária a partir das 12:00 horas. Antes da apresentação será realizado o sorteio que definirá a ordem de apresentação dos sambas concorrentes.

12- A Final do concurso será realizada com os sambas classificados e cada compositor finalista poderá ter um intérprete para seu samba e um cavaquinista ou violonista para acompanhá-lo. Uma comissão, formada por 5 (cinco) julgadores, selecionará o grande vencedor.

13- Os julgadores da Final do samba deverão atribuir notas para letra e música, SEPARADAMENTE, que variem entre 5 (mínimo) e 10 (máximo). O samba que obtiver maior pontuação, na soma das notas atribuídas pelos jurados, será considerado o vencedor. Em caso de empate, o samba que tiver obtido a maior quantidade de notas 10 (dez) dos jurados será considerado o campeão. Caso persista o empate, o samba que tiver obtido o maior número de notas 9 (nove) será o vencedor e assim sucessivamente.

14- Fica preservada a soberania e a integridade da Comissão Julgadora.

15- Os compositores que não tiverem intérprete e cavaquinista ou violinista próprio terão seu samba apresentado pelos intérpretes da Escola. E deverão solicitar quando do envio do samba. confirmando esta opção até a data do evento pelo pagamento da taxa de R$ 150.00 (cento e cinqüenta reais) que será revertida aos artistas.
16- Os casos omissos neste regulamento serão decididos pelo presidente da comissão julgadora.

Laguna SC 23 de agosto de 2016″.

CompartilheShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Deixe seu comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *