Nação Guarani – Análise do enredo e samba

DSC02128
Créditos: Na Avenida

Olá, povo do samba!

Dando prosseguimento às análises dos enredo e sambas das agremiações do Grupo Especial de Florianópolis, segue as breves conclusões acerca do GRES Nação Guarani

A  agremiação é a segunda escola de samba a desfilar pela Passarela Nego Quirido, que apresentará o enredo: “O Mapa da Vida” de autoria do carnavalesco Júnior Schall, que tem passagens pelo carnaval do Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul.

O acesso à sinopse se deu através de consulta ao site oficial da agremiação. Confesso que numa primeira leitura não foi possível de imediato ter uma idéia clara da proposta. Observando o título e a arte que o acompanha pode-se então concluir do que se trata. Ratifico: apenas a leitura da sinopse não dá elementos para se compreender a idéia central de forma clara. O tema, no entanto, é interessante e apresenta elementos relacionados a mapas de localização, mapa astral, orientação pelas estrelas, rompimento de fronteiras, religiosidade, manifestação popular, entre outros, que não apresentam uma ordem lógica, por isso a dificuldade de se ter uma idéia clara logo de início. Após a compreensão do tema (acredito ter conseguido ter uma noção) é que se pode compreender que a agremiação poderá, sim, apresentar uma riqueza de conteúdo em seu desfile, vez que há “n” elementos a serem explorados.

O samba é de autoria da parceria formada por Gustavinho Oliveira, Diego Nicolau, Artur das Ferragens, Caio Alves, Danilo Garcia e Rafael Tinguinha e a agremiação apresenta o consagrado Bruno Ribas como seu intérprete oficial. Se observar o que narra a sinopse, o samba obedeceu a idéia proposta não tendo falha de conteúdo, usando bastante recursos poéticos. No que se refere a destaques melódicos cito todo o refrão que inicia com o verso “Voar e tocar o infinito…” e no trecho “Fiz do meu lar um pequeno universo…”.

Sandro Roberto – Equipe Na Avenida

 

Equipe Na Avenida – Ano VI (equipenaavenida@gmail.com)

CompartilheShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Deixe seu comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *